lunes, junio 17

Gary Oldman detona atuação em ‘Harry Potter’ durante grupo em Cannes

Gary Oldman detonou sua atuação na franquia Harry Potter e explicou seus comentários à equipe de impressão do filme Partenope, em Cannes.

O ator disse que não teve a intenção de ofender os dois filmes ao definir sua atuação como “medíocre”. “O que você quer dizer é que, como qualquer artista, ator ou pintor, você é sempre hipercrítico em relação ao seu próprio trabalho.”

“Se você não estiver ativo e estiver satisfeito com o que está fazendo, isso seria a morte para mim. Se você fosse assistir a uma apresentação e pensasse: ‘Meu Deus, sou fantástico nisso’, seria um dia triste”, disse Gary Odlman.

Ele acrescentou que poderia ser diferente do personagem Sirius Black. “Havia tanto sigilo em torno de dois livros que eles foram trancados com sete chaves. E se você tiver informações desde o início, se você leu os cinco livros e comentários do personagem, poderia ser abordado de uma forma diferente. Poderia ser usado para ele de uma maneira diferente e pintado em uma cor diferente.”

Gary enfatizou que não estava mentindo sobre a franquia. “Quando Harry Potter começou, todo mundo sabia que era o livro O Prisioneiro de Azkaban e aquela representação daquele homem. Um livro na biblioteca de Sirius Black. E foi isso que eu quis dizer com isso. Não estou pensando no filme e dizendo que é um filme terrível ou que é terrível, só queria que acontecesse em circunstâncias diferentes. “É só que você quer dizer que não quer ser rude com as pessoas que assistem ao filme.”

Deja una respuesta